Sintomas de ataque cardíaco, saiba identificar rápido!

Escrito na categoria "Hábitos saudáveis" por Bruno Almeida.

Dentre os principais problemas no coração, o ataque cardíaco sem dúvidas é um dos mais conhecidos. Entretanto, nem todo mundo sabe o que é ataque cardíaco, e é por isso que o artigo de hoje do Buscar Saúde vai te explicar o que causa esse problema, mostrar quais são os sintomas de ataque cardíaco, além de te explicar como se prevenir!

Coração humano

O nosso coração funciona bombeando sangue e nutrindo as células de todo o organismo. Quando existe alguma alteração brusca neste funcionamento do coração, vários problemas graves podem acontecer, existindo inclusive o risco de morte.

Caso você não saiba, o infarto do miocárdio está entre as principais causas de mortes no Brasil. Segundo a Sociedade Brasileira de Cardiologia, de 2004 a 2014 o número de mortes foi de mais de 500 mil pessoas. Sabendo disso, fica fácil compreender porque é tão importante saber como identificar os sintomas de ataque cardíaco.

O que é ataque cardíaco?

Primeiro é preciso saber como diferenciar o ataque cardíaco de outras doenças cardiovasculares! Como já dizemos e caso você não saiba, ele também pode ser chamado de infarto do miocárdio, que acontece quando existe morte das células do coração em razão da formação de coágulo.

Quando este coágulo é formado, acaba interrompendo o fluxo sanguíneo de forma súbita e intensa, ou seja, o ataque cardíaco acontece como consequência desta interrupção brusca do fluxo sanguíneo.

O que é ataque cardíaco?

Aprenda como agir em caso de ataque cardíaco?

O que causa ataque cardíaco?

Estudos mostram que a principal causa do infarto é a aterosclerose, que acontece quando há acúmulo de placas de gordura no interior das artérias do coração. Nesta condição, o fluxo fica prejudicado e quando a placa de gordura se rompe, resulta na formação do coágulo, interrompendo totalmente o fluxo sanguíneo.

Tudo isso é extremamente prejudicial para o organismo, porque sem sangue chegando até as células, não existe oxigenação e não há liberação das toxinas. Nessas condições o corpo vai desligando e mesmo que a pessoa sobreviva, os efeitos colaterais de um ataque cardíaco podem deixar sequelas irreversíveis.

Ataque cardíaco em jovens

Com a mudança de hábito na rotina atual, problemas graves como a obesidade e a depressão estão cada vez mais presentes na vida dos jovens. Infelizmente, o ataque cardíaco deixou de ser uma doença associada às pessoas mais velhas.

Em um estudo feito pelo Colégio Americano de Cardiologia no ano de 2019, dados alarmantes mostram que o número de infartos vem crescendo 2% ao ano entre as pessoas com 40 anos ou menos.

Olhando aqui para o Brasil, infelizmente os dados são ainda mais negativos! De acordo com os dados de 2013 do Ministério da Saúde, houve um aumento de 13% nos casos de infarto entre os adultos com até 30 anos.

Vários fatores podem estar relacionados com o ataque cardíaco entre os jovens, por exemplo:

Sintomas de ataque cardíaco

A lista de sintomas é bem grande, podendo variar de acordo com a idade e outros fatores. Atenção, estes sinais podem ser confundidos facilmente com outros problemas de saúde, por isso é fundamental buscar uma avaliação médica para afastar qualquer risco grave.

Sintomas de ataque cardíaco feminino

Existe diferença nos sintomas de ataque cardíaco entre homens e mulheres? A resposta é sim! Bem como também existe diferença entre os sintomas em jovens e adultos. Geralmente os homens sentem sinais clássicos, tais como: sudorese, palidez, e dor no peito que vai irradiando para o braço.

Já no caso das mulheres, os sintomas são mais sutis e mais variados, por exemplo: falta de ar, náusea, vômito, sudorese, além de uma dor moderada no abdômen superior e/ou nas costas. Como estes sinais podem ser confundidos com outros problemas menos graves, o infarto na mulher pode acontecer de forma “despercebida”, o que acaba sendo mais fatal!

Diversos estudos mostram que o infarto do miocárdio entre os homens, acontece com mais frequência depois dos 55 anos, e entre as mulheres é depois dos 65 anos. As mulheres que possuem artérias coronárias mais estreitas precisam ter atenção redobrada!

Fatores de risco para ataque cardíaco

Condições que favorecem a interrupção no fluxo sanguíneo são fatores de risco associados ao ataque cardíaco. As principais estão listadas abaixo:

Como ajudar alguém com ataque cardíaco?

Estar perto de alguém nesta condição não é nada agradável, mas é preciso entender que isso pode acontecer com qualquer pessoa. Portanto, estar preparado para agir nesta condição, pode ser decisivo para salvar essa vida!

Em um ataque cardíaco cada segundo é valioso, porque quanto mais tempo sem oxigenação, mais grave a consequência! A primeira ação é ligar imediatamente para os bombeiros e chamar por socorro médico! Se estiver perto de algum hospital, leve a vítima imediatamente. As demais recomendações são:

Como evitar um ataque cardíaco?

Para afastar os riscos de infarto, você pode adotar uma série de ações cruciais. É preciso ter ainda mais atenção se estiver dentro dos grupos de risco que listamos. A melhor forma de prevenir ataque cardíaco é:

Foram muitas dicas e informações importantes, mas queremos que aprenda ainda mais sobre o tema. Por isso, indicamos que assista este vídeo abaixo.

Aqui no Busca Saúde estamos sempre trazendo informações de qualidade. Então, para melhorar a sua qualidade de vida, continue aprendendo sobre o corpo humano lendo os artigos aqui do site.

Sobre o autor

Autor Bruno Almeida

Bruno Almeida é formado em Educação Física pela UFV - Universidade Federal de Viçosa. Foi aluno destaque do instituto e agora compartilha seus conhecimentos no site Buscar Saúde!

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista. Procure sempre orientação médica presencial antes de consumir ou utilizar qualquer produto ou substância terapêutica.

Deixe um comentário