Você sabe o que é sarampo e quais as suas características? Neste artigo vamos falar desta doença que deixa várias manchas no corpo e causa bastante incomodo! Saiba quais os sintomas de sarampo e veja como prevenir corretamente.

Sarampo: O que é?

Esta doença é classificada como uma doença infectocontagiosa! O sarampo é causado por um vírus chamado Morbillivirus. Talvez você não saiba, mas esta doença é uma das principais responsáveis pela mortalidade infantil em vários países subdesenvolvidos.

Sarampo: Como é transmitido?

Como falamos, o sarampo é uma doença viral e é considerada como altamente contagiosa, visto que o vírus pode ser transmitido de uma pessoa para outra através das secreções do nariz e da boca. Estas secreções são expelidas ao tossir, beijar, espirrar, respirar ou simplesmente ao falar.

Se a pessoa for diagnosticada com sarampo, ela deve evitar o contato com outras pessoas saudáveis enquanto faz o tratamento, bem como evitar ambientes fechados e com grande aglomeração de pessoas!

Sintomas de sarampo

Saiba como agir em caso de sarampo!

Sintomas de sarampo

Os primeiros sinais de sarampo são bem parecidos aos da gripe, mas a principal diferença é justamente o surgimento de manchas vermelhas na pele que se espalham rapidamente por todo o corpo. Se você está suspeitando estar com sarampo, confira a lista abaixo que mostra os principais sintomas desta doença!

  • Febre acima de 38º C
  • Dor de garganta
  • Tosse seca
  • Dor muscular
  • Cansaço excessivo
  • Manchas vermelhas na pele
  • Pontinhos brancos internos na região da bochecha
  • Vermelhidão nos olhos

O sarampo é uma doença que afeta principalmente os bebês que estão no primeiro ano de vida. Entretanto, o sarampo também pode afetar crianças, jovens e/ou adultos que não tomaram a vacina contra o sarampo.

Sarampo: Diagnóstico

Se você está com suspeita de sarampo, o médico deve ser consultado imediatamente. Desta forma, evita-se que outras pessoas possam ser contaminadas! Durante o tratamento, é muito importante que a pessoa infectada use uma máscara para tapar a boca, principalmente durante as crises de tosse e/ou espirro.

Consultar um médico para avaliar o problema é muito importante para evitar possíveis complicações. Como foi dito, os sintomas são parecidos com o da gripe que não é um problema grave! Porém, os sintomas também são parecidos com o da rubéola, catapora, roséola e outros problemas bem mais graves.

Sarampo: Como tratar?

Saiba que não existe um tratamento específico para o sarampo, ou seja, o tratamento é para aliviar os sintomas. Portanto, os 4 pontos principais do tratamento são:

  • Manter uma ótima hidratação
  • Adotar uma alimentação saudável
  • Consumir alimentos ricos em vitamina A
  • Tomar corretamente os medicamentos para febre, náuseas e vômitos

Os remédios só devem ser tomados em caso de prescrição médica, ou seja, se a pessoa tomar qualquer tipo de medicamento por conta própria, ela pode estar agravando o problema e abrindo portas para outras complicações!

Durante todo o tratamento, a pessoa deve manter repouso absoluto até que a infecção esteja curada. O retorno ao trabalho, escola, exercícios físicos e outras atividades rotineiras só deve acontecer após a liberação médica.

Sarampo: Como prevenir?

A melhor forma de prevenção é através da vacina contra o sarampo. Caso você não saiba, a primeira imunização deve ser tomada aos 12 meses com a vacina tríplice viral, que visa proteger contra a rubéola, sarampo e caxumba. Quando o bebê estiver com 15 meses de vida, ele deve tomar a vacina tetraviral que protege contra rubéola, caxumba, sarampo e também e varicela.

Saiba que todos os adultos e adolescentes com até 29 anos de idade que não foram vacinados e não tiveram sarampo, podem e devem se vacinar nos postos de saúde! Nestes casos, a vacina é oferecida em duas doses com intervalo de 30 dias entre elas. As pessoas com idade entre 30 e 49 anos também devem ser imunizadas, mas este grupo precisa apenas de uma dose.

Encerramos aqui este artigo e esperamos ter passado as informações de um jeito bem compreensível. É importante informar as vacinas são oferecidas gratuitamente no posto de saúde da sua região, basta levar o seu cartão de vacina e se proteger. Caso tenha ficado alguma dúvida ou tenha alguma sugestão, deixe nos comentários que iremos responder com maior prazer.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)