Vamos começar te fazendo uma pergunta, você já saiu pra treinar super motivado e ao começar o treino não conseguiu manter o seu rendimento? Ou pior ainda, você nem conseguiu finalizar aquele treino? Talvez você não tenha ideia do que pode ter acontecido, mas em grande parte dos casos, o tempo de recuperação muscular não foi o ideal.

Quanto tempo o músculo precisa descansar?

Esta pergunta é muito frequente, na verdade não só ela, mas muitas outras relacionadas a este assunto. Dentre elas podemos citar: Qual o tempo de descanso que o músculo precisa para hipertrofiar? Quantos dias preciso descansar entre os treinos? A recuperação muscular ideal é de 48 ou 72 horas?

Todas estas perguntas serão respondidas ao longo deste artigo, mas antes de continuar queremos te pedir para ler atentamente cada item abordado e se necessário, releia para que não fique nenhuma dúvida, visto que este assunto é muito complexo e pequenos equívocos podem causar quedas de desempenho e até provocar lesões.

Quando a pessoa trabalha os músculos com grande intensidade, existe um desarranjo das fibras musculares, o que chamamos de estresse muscular. Quando estas fibras se reorganizam, acontece o que chamamos de super compensação, ou seja, é neste momento em que os músculos obtêm as mudanças fisiológicas significativas.

Mas que mudanças são essas? Neste momento você pode ter hipertrofia muscular ou uma musculatura mais resistente, depende do seu tipo de treino. Mas, isso só acontece se houver o tempo de recuperação muscular ideal e é neste ponto importante da adaptação que a maioria das pessoas comentem os erros.

O que é recuperação muscular?

Como acontece a recuperação muscular?

Qual é o tempo ideal de recuperação muscular?

Quanto maior for a intensidade do exercício, maior será o tempo de recuperação muscular. Se a pessoa não respeitar o tempo de descanso muscular, ela não irá obter as adaptações importantes para a evolução, e consequentemente aumentará as chances de causar uma lesão grave.

Primeiro você precisa compreender que a recuperação é um processo complexo que pode variar de acordo com diversos fatores que os levaram a precisar desse descanso. Esses fatores são:

  • Intensidade do exercício
  • Frequência do exercício
  • Duração do exercício

Os hábitos nutricionais e o estado de estresse também podem influenciar positivamente ou negativamente nesta recuperação, mas são mais complicados de quantificar. Sendo assim, vamos focar apenas nos principais.

Existem cargas de treino que irão necessitar de apenas poucas horas de descanso, ou seja, a pessoa pode treinar até duas vezes por dia. Em contra partida, existem cargas em que a pessoa irá precisar de 24,48 ou até 72 horas de descanso.

Este tempo de recuperação assim como as sessões de treino devem ser discutidas e planejadas com o seu orientador físico. Portanto, é impossível seguir um bom planejamento e ter uma recuperação ideal sem o acompanhamento de um profissional de Educação Física.

Não treinar demais e descansar bem!

Este é o caminho certo, mas não é tudo! Infelizmente, as pessoas não podem controlar todos os fatores, estamos falando por exemplo da idade e da genética. É natural que o organismo vá perdendo a sua capacidade normal de funcionamento depois dos 30 anos. O tempo de recuperação de uma pessoa com 40 anos, jamais será igual ao que ela tinha aos 18 anos.

Vamos agora para os fatores genéticos! Neste ponto, novamente estamos falando daquelas verdades incontornáveis da vida. Algumas pessoas simplesmente irão se recuperar mais depressa que outras. Esta variação acontece por causa da diferença no metabolismo ou tipo corporal, por exemplo.

Considerações finais

Como foi dito, este processo de recuperação é indispensável para o desenvolvimento de força, resistência e da massa muscular. Durante este período, os músculos ficam incapacitados de apresentar o mesmo desempenho que tiveram no treino anterior.

A quantidade e qualidade do sono também é muito importante para a recuperação muscular. Sendo assim, é fundamental dormir pelo menos 8 horas por noite. E para finalizar, escute o seu corpo! O bom treino é aquele que tem uma boa orientação, um ótimo planejamento e muita dedicação e paciência.

Com todas as informações passadas, ficou bem claro que você jamais deve seguir estas informações padrões que são indicadas por ai. Por mais que tenha dado certo para um conhecido seu, pode não dar certo para você. Com isso, as chances de frustração será enorme, além de colocá-lo em riscos desnecessários.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)