Quando o assunto é atividade física, existe uma discussão muito grande quanto ao aquecimento e o alongamento. Todas as vezes que o assunto gera grande discussão, muitos mitos surgem e as pessoas acabam sujeitas à diversas informações errôneas, que podem colocá-las em perigo.

Você sabe o que é alongamento? E o que é aquecimento? Qual a diferença entre alongamento e aquecimento? Em qual momento você deve alongar ou aquecer? Se você não tem certeza absoluta das respostas para estas perguntas, as chances de estar cometendo algum grave erro é muito alta.

A primeira coisa que você deve compreender é que alongamento e aquecimento são práticas diferentes. Apesar de ambas serem extremamente importantes para quem pratica atividades físicas, os seus objetivos não são os mesmos.

Quais as diferenças entre alongamento e aquecimento?

Para entender a diferença entre estes exercícios, você precisa saber os conceitos de cada um. O alongamento é um exercício que conta com movimentos lentos que visam alcançar a elasticidade máxima do músculo, dentro do limite do seu corpo. Já o aquecimento, é uma repetição de exercícios que visam aumentar a circulação sanguínea e consequentemente aumentar a temperatura dos músculos, preparando-os para os movimentos que irão realizar.

Para facilitar o seu entendimento, vamos deixar dois exemplos sendo um de alongamento e um de aquecimento. Quando você realiza uma corrida bem leve, nesta ação você está aquecendo. Agora se você tenta alcançar a ponta dos pés com as mãos, flexionando seu tronco para frente, neste caso é um alongamento.

É importante informar que quando você realiza um exercício de aquecimento, você também irá promover um pequeno alongamento, o mesmo acontece quando você está em um exercício de alongamento, também há um pequeno aquecimento daquela região exercitada. Mas para alcançar o objetivo de forma eficaz, é importante escolher o exercício certo, para atendê-lo.

Qual a diferença de alongamento e aquecimento?

Tudo sobre alongamento e aquecimento

Quais os benefícios do alongamento?

  • Reduzir os riscos de distensão muscular
  • Melhorar o desempenho
  • Reduzir a intensidade das dores musculares
  • Acelerar a recuperação pós treino
  • Estimular uma prática mais prazerosa
  • Favorecer o trabalho com excelente amplitude dos movimentos

Quais os benefícios do aquecimento?

  • Aumentar o fluxo sanguíneo nos músculos
  • Aumentar a temperatura nos músculos
  • Lubrificar de forma mais eficiente as articulações
  • Melhorar a elasticidade dos músculos
  • Aumentar a excitação muscular
  • Reduzir os riscos de lesões

Aquecer ou alongar?

O aquecimento consegue otimizar o treino, preparando a pessoa psicologicamente e fisiologicamente. Com o aumento da temperatura nos músculos a execução dos movimentos fica mais natural, melhorando a agilidade e a coordenação motora. Além disso, a pessoa consegue desenvolver atividades de força com mais eficiência.

Além destes benefícios, o aquecimento também ajuda na prevenção de distensões, câimbras e até mesmo distúrbios respiratórios como a famosa, dor de lado. O aquecimento deve acontecer sempre em intensidade bem suave, fazendo com que a ativação do sistema cardiovascular ocorra progressivamente.

O alongamento combate o encurtamento muscular, promovendo uma flexibilidade maior dos músculos e articulações. Esta amplitude maior de movimentos, reduz os riscos de lesões e proporciona um desempenho muito melhor na hora do treino, beneficiando as atividades de força, agilidade e velocidade.

Para te dar ainda mais dicas e informações deste assunto, encontramos um vídeo bem dinâmico que explica as diferenças e fala dos benefícios e os melhores momentos para cada exercício.

Considerações finais

Um erro bem comum entre os praticantes de atividade física é substituir o aquecimento pelo alongamento, principalmente em atividades de grande intensidade como, por exemplo, a corrida.

Exigir esforço excessivo da musculatura sem o devido preparo prévio, fatalmente causará uma queda no desempenho e aumentará absurdamente as chances de lesões musculares.

Os especialistas alertam que apenas quando o corpo está devidamente aquecido, é que ele se torna mais flexível e elástico, ou seja, o alongamento é indicado somente após o aquecimento. Este é o grande motivo da indicação de aquecimento pré treino e alongamento pós treino.

Para finalizar não podemos deixar de alertar sobre os riscos de praticar atividade física sem orientação capacitada. Portanto, antes de iniciar qualquer atividade física, consulte o médico e realize todas as avaliações necessárias. Quando escolher a modalidade que for praticar, conte com a orientação de um profissional de Educação Física, a prevenção é sempre o melhor remédio!

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.

2 comentários para “Alongamento ou aquecimento? Qual a diferença?”

  1. Rithelly

    Nossa! Eu estava fazendo bem errado? Adorei as dicas!

    Responder
    • Bruno

      Quase todo mundo acredita que é o alongamento primeiro! Depois faz o teste pra você ver! Faz um pequeno aquecimento e depois alonga, você vai perceber que o alongamento será muito mais eficiente!

      Responder

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)