Você já ouviu falar de osteoartrose? Este problema é muito comum entre os adultos e pessoas que estão na terceira idade. Neste artigo vamos apresentar os sintomas da osteoartrose e explicar quais são as causas que levam ao desenvolvimento da osteoartrose.

Osteoartrose: O que é?

Este problema também é muito conhecido como artrose e é um processo degenerativo que acontece na articulação! A osteoartrose provoca a destruição da cartilagem articular que é um tipo de tecido cartilaginoso que reveste as superfícies dos ossos de uma articulação. Caso você não saiba, a função principal desta cartilagem articular é reduzir o atrito entre as superfícies ósseas e favorecer o deslizamento que gera os diversos tipos de movimentos.

Aqui no Buscar Saúde tem um artigo completo falando sobre as articulações do corpo humano e as suas funções e características, se você se interessa por este assunto indicamos esta leitura complementar porque vale muito a pena!

Resumidamente podemos dizer que a articulação é composta por condrócitos que são as células responsáveis por fabricar todas as substâncias necessárias que permitem o funcionamento ideal da cartilagem articular. Uma destas substancias é o colágeno que tem a função de atuar como uma malha de sustentação que retém as demais substâncias que existem dentro da cartilagem!

Se observamos bem uma cartilagem articular, podemos dizer que o seu funcionamento é similar ao de uma esponja encharcada de água. Saiba que o estado de hidratação da cartilagem é fundamental para manter a sua integridade, evitando os processos de degradação que resultam em problemas como a artrose.

Sendo assim, toda vez que uma pessoa apresenta alterações no estado de equilíbrio dos componentes articulares, ela vai estar sujeita aos processos degenerativos que resultam nos problemas articulares.

Quais as causas da artrose?

O que é osteoartrose ou artrose?

Osteoartrose: Quais os tipos?

De acordo com os especialistas, a artrose pode ser dividida em dois grandes grupos que são:

  • Osteoartrose Primária – Neste grupo estão as pessoas que já possuem fatores hereditários que façam com que a patologia possa se desenvolver sem a influência de fatores externos.
  • Osteoartrose Secundária – Neste grupo estão as pessoas que desenvolveram esta patologia por causa de algum fator ocorrido em algum período da sua vida.

Geralmente, as pessoas que fazem parte do segundo grupo são aquelas com problemas de obesidade, com alterações hormonais, atletas que realizam movimentos repetitivos de saltos e/ou desaceleração, além das pessoas que tiveram alguma lesão como por exemplo entorses, fraturas ou luxações e outros.

De acordo com os especialistas elas fazem parte do chamado grupo de risco e o melhor a se fazer é tomar atitudes preventivas! Quando a pessoa tem noção dos riscos e inicia os tratamentos preventivos, ela consegue evitar os vários sintomas desagradáveis da artrose que quando está em fase avançada, pode causar uma dor tão intensa que gera incapacidade funcional.

Osteoartrose: Sintomas?

O principal sintoma da artrose é uma dor muito forte, mas além da dor existem vários sintomas que podem servir de referência para indicar o desenvolvimento desta patologia! Os sintomas são:

  • Inchaço
  • Dor intensa
  • Rigidez
  • Aumento da sensibilidade
  • Dificuldade de locomover
  • Deformidade na articulação

Osteoartrose: O que fazer?

Se você faz parte de algum dos grupos de riscos que foram citados, a primeira atitude é consultar um médico especialista no assunto, realizar todos os exames e avaliações necessárias para diagnosticar à existência ou não de algum problema articular.

Caso alguma alteração seja notada, você deve conversar com o médico sobre o tratamento mais adequado e seguir corretamente todas as orientações. Se nenhum problema for diagnosticado, peça ao médico para te instruir formas de iniciar um tratamento preventivo para afastar de vez os riscos de ter artrose!

Se tiver ficado alguma dúvida sobre assunto, trouxemos um vídeo bem interessante e bem dinâmico sobre o assunto. Vale a pena assistir, pois as dicas de um profissional que trabalhar constantemente com tratamento de artrose certamente pode ter informações bem valiosas.

Vale lembrar que todas as informações que passamos neste artigo são de caráter instrutivo e educativo. Portanto, se você tiver alguma dúvida o médico deve ser procurado para oferecer as respostas mais precisas.

Você já teve artrose ou conhece alguém que tem este problema. Como é o tratamento e quais as orientações médicas? Deixe nos comentários e vamos continuar debatendo sobre este assunto.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)