Qual a importância do auto exame na mama? Quando a mulher deve fazer o auto exame de toque? Você sabe realizar o auto exame para detectar um possível caroço na mama? Saber todas estas respostas é fundamental para manter a boa saúde.

Câncer de mama: Qual a importância do auto exame?

Todas as mulheres deveriam saber qual é a grande importância de fazer o auto exame das mamas regularmente. Mais importante que saber desta necessidade, é saber qual é a forma correta de realizar o exame de toque das mamas.

Este simples gesto de apalpar os próprios seios pode ser fundamental na hora de detectar o caroço de um possível câncer de mama. O Instituto Nacional do Câncer alerta sobre um triste dado, o câncer de mama é uma das maiores causas de morte entre as mulheres. Os especialista indicam que quanto mais você se tocar, melhor irá conhecer o seu corpo e consequentemente, mais fácil será a identificação de pequenas alterações nas mamas.

Câncer de mama: Quando fazer o auto exame?

Existe um debate sobre o momento ideal para começar a realizar o autoexame. Alguns especialista indicam que deve ser a partir dos 20 anos de idade, já os ginecologistas recomendam que seja iniciado desde a primeira menstruação. Como o exame é indolor e sem efeitos colaterais, seguir a indicação dos ginecologistas parece mais prudente e correto.

Quais as causas de câncer de mama?

Qual a forma correta de realizar o auto exame de toque nas mamas?

Câncer de mama: Quais os sintomas?

O principal sintoma do câncer de mama é a formação de nódulos duros, que geralmente são indolores e irregulares. Pode ocorrer também o surgimento de pequenos caroços em baixo do braço e a pele da região pode ficar com o aspecto de casca de laranja. É muito importante frisar que para diagnosticar precisamente a presença ou não de um câncer, faz-se necessário um exame clínico mais aprofundado.

Esta avaliação especifica é importante, visto que nem todo caroço que surge nesta região significa que é um câncer. Sendo assim, a realização periódica da mamografia e/ou ultrassom das mamas é importante para ajudar no diagnóstico mais eficaz de qualquer tipo de alteração nos seios.

Câncer de mama: Causas

O principal fator de risco de desenvolver um câncer de mama está relacionado com a genética da família. Esta pré-disposição deve ser levada em consideração, mesmo quando o câncer não tenha sido especificamente na mama.

Como realizar o autoexame das mamas?

Este autoexame pode ser feito em frente ao espelho, deitada ou até mesmo durante o banho. Segundo os especialistas, o melhor momento para fazer o auto exame é uma semana depois da última menstruação.

Com uma das mãos servindo de apoio para o seio, utilize a outra mão para apalpá-lo. É muito importante realizar este exame sem pressa e com bastante atenção, visto que você deve examinar toda a região do seio, inclusive os mamilos. Utilize as pontas dos dedos para pressionar o seio, visando detectar qualquer imperfeição.

Nos mamilos, é importante realizar os movimentos com mais suavidade, já que esta é uma área mais sensível. Pressione-os levemente e observe se algum líquido irá sair. Em seguida, continue apalpando com a ponta dos dedos até as axilas. Trouxemos também um vídeo que mostra como o exame deve ser feito, veja-o a seguir:

Quando o auto exame é realizado em frente ao espelho, você pode observar alguma diferença nos seios também com a análise visual. Para isso, você deve levantar os braços e olhar atentamente toda a região do seio, em seguida abaixe os braços e olhe novamente, se você perceber alguma diferença, realize o exame de toque com bastante atenção nesta região.

Considerações finais

Como foi dito, o auto exame é uma das armas para identificar o câncer, mas não é mais precisa de todas. Realize o auto exame regularmente e caso detecte alguma alteração, não entre em pânico! Busque um exame mais avançado e lembre-se que nem todo caroço é sinal de um câncer. Para finalizar, segue um dado muito importante, aproximadamente 90% dos casos de câncer de mama detectados no início, tiveram chances maiores de cura.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)