Você certamente já ouviu falar em anorexia, não é mesmo? Esta doença é muito grave e pode causar danos irreparáveis na vida de uma pessoa e em alguns casos, podendo levar até a morte. Neste artigo de hoje além de falar o que é anorexia, vamos mostrar quais são os sintomas, tratamentos e causas da anorexia.

Anorexia: O que é?

É caracterizada como um distúrbio alimentar que provoca uma redução de peso acima do que é considerado saudável para a altura e a idade de uma pessoa. Os indivíduos que sofrem com anorexia convivem com um medo intenso de ganhar peso. Esta paranoia permanece mesmo quando as pessoas estão muito abaixo do peso normal e por isso, elas praticamente não se alimentam e abusam dos exercícios físicos.

Anorexia: Quais as causas?

A anorexia é basicamente um distúrbio relacionado com a imagem, ou seja, a pessoa que sofre deste problema não consegue aceitar o seu corpo da forma como ele é! Com isso, está sempre com a impressão de estar acima do peso, mesmo que a realidade seja absurdamente o inverso. Este transtorno faz com que a pessoa sofra de ansiedade e até mesmo depressão.

As causas exatas da anorexia ainda são desconhecidas, mas os especialistas acreditam que fatores biológicos, psicológicos e ambientais tem papel fundamental do desenvolvimento deste distúrbio. A pressão social por corpos mais esbeltos e magros também é um ponto que agrava este problema.

Quais os sintomas da anorexia?

Conheça tudo sobre a anorexia, sintomas, causas e tratamentos. Veja como lidar com esta perigosa doença!

Anorexia: Quais os fatores de risco?

As mulheres são as que mais desenvolvem este problema. De acordo com os especialistas, a principal justificativa é a pressão social e a influência da mídia quanto ao tal padrão de beleza ideal. Esta pressão social tem causado doenças graves de ansiedade e depressão principalmente entre os adolescentes, mas ao contrário do que muitos pensam, pessoas de todas as idades estão sofrendo com a anorexia.

Infelizmente a mídia e a sociedade são os grandes vilões quando o assunto é a anorexia. Os comerciais e as reportagens estão sempre mostrando os estereótipos sociais de beleza, o que acaba despertando nas pessoas a sensação de que só podem ser felizes se conseguirem aquele corpo ideal.

Anorexia: Quais os sintomas?

Os principais sintomas são: sentir medo constante de engordar, recusar-se a buscar ou manter o peso ideal para a sua idade e altura. As pessoas com anorexia geralmente estão pelo menos 15% abaixo do peso normal. Outro sintoma está relacionado com a imagem corporal, onde a pessoa com anorexia sempre relata uma imagem totalmente distorcida da realidade. Mesmo estando extremamente magra, a pessoa se recusa a admitir isso e continua afirmando estar acima do peso. Quando as mulheres não menstruam por 3 ou mais ciclos é um sinal forte de que ela está muito abaixo do peso normal. Consequentemente, pode ser um sinal de anorexia.

As pessoas com anorexia estão sempre dando sinais de que estão evitando a comida, ou seja, se você notar alguém cortando a comida em pequenos pedaços e movendo-os pelo prato sem comê-los, pode significar que aquela pessoa tenha distúrbios alimentares e é importante acompanhar o desenrolar da história.

Ir ao banheiro depois das refeições, evitar se alimentar perto de outras pessoas, fazer uso de diuréticos e laxantes sem recomendações médicas, também são atitudes frequentes de uma pessoa com anorexia. A lista é muito grande de sinais e sintomas, confira abaixo:

  • Pele manchada
  • Pele amarelada
  • Pele muito ressecada
  • Pensamento lento
  • Dificuldade de memorizar
  • Depressão
  • Boca ressecada
  • Grande sensibilidade ao frio
  • Redução da massa óssea

Anorexia: Como diagnosticar?

Se você estiver preocupado com o peso de alguma pessoa, se ela está se exercitando em excesso e não está se alimentando direito, é muito importante buscar ajuda médica para ela. A pessoa com anorexia não se sente doente e por isso ela corre muitos riscos gravíssimos.

É muito importante conversar com essa pessoa, pois existe a possibilidade de ela não saber que está passando por dificuldades. Desde já, saiba que a pessoa com anorexia precisa de apoio e compreensão, jamais julgue-a e evite pressioná-la no sentido de que isso é um problema simples. É fundamental não forçar decisões ou atitudes sem que a pessoa queira.

Buscar a ajuda de um médico, nutricionista e psicólogo é primordial para iniciar o processo de tratamento dentro das condições ideais. Descreva todos os sintomas e fale abertamente da sua visão sobre aquele problema. Certamente os médicos irão fazer inúmeras perguntas, mas não tenha vergonha ou medo de se abrir, este é o local certo para tirar todas as dúvidas!

Anorexia: Quais os tratamentos?

A principal dificuldade no tratamento da anorexia é fazer com que a pessoa reconheça que está doente. A maior parte das pessoas com anorexia se considera saudável e só aceita iniciar um tratamento quando a doença já atingiu um estado extremamente grave.

O tratamento da anorexia requer ações em diversas áreas. O primeiro passo é recuperar o peso ideal da pessoa e com isso ela precisa de uma reeducação alimentar. É importante compreender que a pessoa com anorexia não pode ganhar todo o peso necessário de uma vez só, isso pode ser muito perigoso! Especialistas indicam que este ganho de peso deve ser entre 0,5 a 1,4 kg por semana.

Para cuidar do aspecto social e psicológico, a pessoa precisa de outro tipo de acompanhamento. Existem diversos programas para tratar as pessoas com anorexia e as atividades são variadas, mas todas tem como objetivo aumentar as atividades sociais, reduzir as atividades físicas excessivas e estimular uma boa alimentação!

Muitos tratamentos começam com a permanência no hospital por alguns dias, para um melhor acompanhamento e depois de criar o programa de tratamento diário, a pessoa continua o procedimento em casa.

Mas existem os casos em que a permanência deve ser prolongada, principalmente quando a pessoa estiver abaixo de 70% do peso corporal ideal para sua idade e altura. Estes casos extremos de subnutrição colocam a vida em risco e é por isso que a pessoa precisa permanecer por um período maior no hospital. Para muitos destes casos mais graves, a alimentação só é possível por sonda venal ou por um tubo de alimentação no estômago.

Já falamos do acompanhamento médico e do nutricionista, agora vamos falar do acompanhamento psicológico, uma vez que a pessoa com anorexia pode facilmente desenvolver depressão grave e pensar até em cometer suicídio. Para resolver de vez este problema, serão necessárias muitas terapias tanto para reverter a visão distorcida que a pessoa tem, tanto para combater a depressão que ela desenvolveu.

O principal objetivo da terapia é mudar os pensamentos negativos e acabar com o medo que a pessoa tem de comer. Em alguns casos, os grupos de apoio também podem fazer uma enorme diferença. Nestes encontros, os pacientes e familiares podem se encontrar e compartilhar as suas experiências e dificuldades.

Anorexia: Prevenção é possível?

A prevenção desta doença é basicamente motivacional! Sendo assim, encoraje as atitudes saudáveis da pessoa, converse abertamente sobre o peso e as dietas que realmente podem ajudar. Propague a ideia de que um corpo saudável não é exatamente uma pessoa magra ou musculosa.

Anorexia: Convivendo com a doença!

Seguindo corretamente as dicas dos médicos e adotando as medidas corretas, o tratamento pode ser muito eficaz, deixando o paciente bem mais confortável. Portanto, siga o plano de tratamento à risca, respeite a dieta indicada pelo nutricionista, jamais fuja das orientações médicas e nunca falte às sessões de terapia.

Não evite outras pessoas e participe normalmente das atividades sociais. Por fim, ame o corpo que tem, valorize a imagem que vê no espelho e com isso, você passará a entender que a beleza não está no corpo extremamente magro e pouco saudável tão idolatrado pela mídia.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.

2 comentários para “Anorexia, o que é? Causas, Sintomas e Tratamento!”

  1. Claudineia

    Muito bom o artigo E muito interessante.

    É importante essas pessoas entender o que se passa com elas conscientizando E trata las. É Muito perigoso Essa patologia

    Responder
    • Bruno

      Sem dúvidas, o maior problema é que as pessoas que deviam ajudar não sabem como agir!

      Responder

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)