Apesar de existirem diversos métodos para combater o excesso de gordura, a dieta é parte fundamental para buscar o peso saudável. Como as pessoas não conseguem aceitar que este é um processo lento, muitas delas acabam vítimas das falsas promessas e acreditam nos mitos que surgiram ao longo dos anos.

As pessoas que querem perder peso costumam se apegar às dietas milagrosas que costumam prometer resultados impressionantes em um curto espaço de tempo, mas será que elas funcionam mesmo? Será que estas dietas são saudáveis? Como se prevenir?

Dieta milagrosa funciona mesmo?

Quando o assunto é perder peso, a forma de alcançar este objetivo é tão importante quanto o próprio resultado. A pessoa que não emagrece de forma saudável, geralmente tem grandes chances de voltar a ganhar peso, sendo que na maioria dos casos, ela acaba engordando mais do que antes da dieta, este quadro é conhecido como efeito sanfona e já falamos disso aqui no Buscar Saúde.

Para emagrecer corretamente, a pessoa deve buscar uma reeducação alimentar, ou seja, ela precisa de uma rotina alimentar com uma dieta equilibrada, sem restrições absurdas. O grande problema destas dietas é focar apenas no resultado final que convenhamos, nem sempre é alcançável.

Os efeitos colaterais que são bastante agressivos para o corpo, quase nunca são citados! A maior parte destas dietas expõem o organismo a deficiências nutricionais e efeitos colaterais graves que afetam de várias formas a saúde física e emocional.

Foi observando esta falta de informações verdadeiras que surgiu a ideia de apresentar através deste artigo, quais são os principais mitos e armadilhas sobre as dietas milagrosas. Vejam como a maior parte acaba te atrapalhando na luta contra a balança.

Quais os riscos das dietas milagrosas?

As dietas low carb podem fazer mal pra saúde? Vejam como perder peso de forma saudável.

Focar apenas em alimentos “light” emagrece?

Os alimentos light são aqueles que contêm um número menor de calorias ou carboidratos quando comparados aos mesmos na versão habitualmente consumida. Estes alimentos são os principais alvos das campanhas publicitárias enganosas, que acabam pensando apenas no lucro e vendendo um promessa falsa que afeta a qualidade nutricional da dieta, impedindo a pessoa de perder peso.

Como foi dito, as informações não passadas precisamente e isso é feito de forma proposital, visto que quanto mais a pessoa consumir, maiores serão os lucros daquela empresa. Por considerar os alimentos menos calóricos, várias pessoas os consomem em grandes quantidades e isso atrapalha na luta para emagrecer.

Para facilitar o seu entendimento observe este exemplo. Se você deixou de comer um pão francês normal que tinha 150 calorias, e ingeriu 3 pães light de 50 calorias cada, você não estará mais perto de emagrecer apenas porque são light. O principal a ser observado é a quantidade ingerida.

Dietas restritas funcionam?

As famosas dietas “milagrosas” são aquelas que focam em um tipo de alimentação que quase sempre é muito pobre em nutrientes importantes para o nosso organismo. Elas podem sim dar resultados, mas os graves efeitos colaterais secundários não valem a pena, mas quase ninguém fica sabendo quais são estes efeitos.

Várias destas dietas, provocam alterações metabólicas que após um tempo, fará com que você tenha mais dificuldade em controlar o peso, tornando ainda mais difícil emagrecer novamente caso seja necessário. Para saber quais são os riscos destas dietas, pesquise sobre as respostas do organismo à ausência do determinado nutriente que será restrito.

As saladas não são a salvação para emagrecer

Consumir frutas e vegetais frescos através das saladas é muito saudável e devia fazer parte da rotina alimentar tanto de quem está tentando alcançar seu peso ideal, quanto de quem já está com o peso adequado.

Mas apesar de ser uma alimentação rica em diversos nutrientes, as saladas não são a salvação para quem quer emagrecer! Deixar de lado todas as outras refeições e adotar a dieta da salada é uma péssima ideia. Esta ação irá te privar dos nutrientes importantes existentes nos outros alimentos, podendo afetar o funcionamento adequado do metabolismo do seu corpo, provocando diversos efeitos colaterais indesejados.

Dietas sem fontes de gordura emagrece?

Quando o assunto é perder gordura, a pessoa logo imagina que deve eliminar a ingestão de alimentos com alto teor de gordura. Em partes ela está correta, mas a restrição total não é a forma ideal. Alguns tipos de gordura como, por exemplo, as monoinsaturas e poli-insaturadas, oferecem vários benefícios para o nosso organismo.

Já foi comprovado cientificamente que restringir totalmente as fontes de gordura da ingestão alimentar pode provocar várias reações negativas, tanto no metabolismo quanto na saúde em geral. Sendo assim, é importante controlar a sua ingestão e ingerir principalmente os alimentos que são fonte ideais: azeite de oliva, abacate ou peixe, são apenas alguns destes alimentos.

Focar apenas nos carboidratos emagrece?

Apesar de parecer absurdo, muitas pessoas comentem este erro! Os carboidratos quando ingeridos em grandes quantidades, elevam os níveis de açúcar no sangue, retardando o metabolismo e aumentando consideravelmente as chances de desenvolver sobrepeso.

Os alimentos ricos em carboidratos são os maiores vilões de quem quer alcançar o peso saudável. Mesmo assim, os carboidratos não devem ser totalmente eliminados da rotina alimentar. É necessário controlar o seu consumo e inserir também os alimentos ricos em proteínas e gorduras insaturadas na sua alimentação diária.

Não tomar café da manhã ajuda a emagrecer?

Outro erro bem comum de quem quer emagrecer é saltar as refeições. Deixar de lado o café da manhã é uma das piores armadilhas para a saúde. Jamais deixe de se alimentar nas chamadas refeições principais.

Esta falsa ideia de que isso ajudará a economizar calorias consumidas pode estar impedindo que muita gente chegue ao seu peso ideal, uma vez que a pessoa tende a se alimentar muito mais na próxima alimentação e o metabolismo fica totalmente desregulado.

Considerações Finais

Deu pra notar que a restrição não é o caminho ideal não é mesmo? Você deve buscar um alimentação balanceada e ricas em nutrientes essenciais para o nosso organismo. A melhor forma de se alimentar bem, é buscando um nutricionista e seguir a orientação do mesmo, principalmente quanto à quantidade e horários.

A alimentação é importante para quem quer perder peso, mas isso jamais irá acontecer sem que ela gaste a energia acumulada. Para isso, é necessário mudar vários hábitos e adotar uma rotina regular de exercício físico. Mas antes consulte um médico e faça todos os exames para obter a liberação para se exercitar.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)