Você sabe qual a importância da Vitamina D para o seu organismo? Conhece quais os problemas causados pela deficiência de Vitamina D? Nós vamos responder estas perguntas e mostrar quais as melhores fontes de Vitamina D, além de dar muitas dicas importantes sobre este tema!

Vitamina D, qual a importância?

A Vitamina D é indispensável para o corpo humano e estudos mostram que ela está envolvida em mais de 80 funções em nosso organismo. Por mais importante que ela seja, infelizmente o número de pessoas com problemas relacionados à deficiência de Vitamina D é altíssimo.

Vitamina D, para que serve?

Podemos dizer que a Vitamina D é bem diferente das outras vitaminas porque ela funciona como uma espécie de hormônio. O corpo consegue produzir Vitamina D a partir do colesterol, porém isso só acontece quando a pele é exposta aos raios ultravioletas, ou seja, sem colesterol não há Vitamina D, mas como assim, o colesterol não é inimigo da Saúde? Sim, mas só quando os níveis estão fora do considerado como saudável.

A Vitamina D também pode ser encontrada em alguns alimentos como por exemplo, peixes e alguns produtos lácteos, mas é impossível manter os níveis ideais de Vitamina D no organismo apenas com dieta alimentar. Portanto, é indispensável ter exposição ao sol regularmente, sendo que os melhores horários são no fim da manhã e começo da tarde.

Segundo os especialistas, a ingestão diária mínima recomendada deve ser de aproximadamente 400-800 UI, mas grande parte dos estudos mostram que este não é o valor ideal e que precisamos de uma quantidade um pouco maior.

Doenças causadas pela falta de vitamina D

Quais alimentos tem Vitamina D?

Vitamina D, fatores que atrapalham!

A vida moderna é um dos principais vilões dos problemas causados pela deficiência de Vitamina D. É cada vez mais comum encontrar pessoas que saem de casa para trabalhar e/ou estudar ainda de madrugada e só retornam à noite e com isso, a pessoa passa a maior parte do tempo em ambientes fechados com pouca ou nenhuma exposição ao sol.

Além destes fatores citados, algumas condições corporais também podem dificultar a absorção dos raios ultravioletas! Se você tem pele escura, o tempo exposto ao sol deve ser maior. As pessoas que estão acima do peso também vão ter mais dificuldades neste processo, porque quanto maior for o peso, maior será a influência negativa. O uso de protetor solar também pode ser fator negativo neste caso, então se você sempre usa protetor quando sair, a síntese de Vitamina D será prejudicada.

Deficiência de Vitamina D, quais os sintomas?

O problema de baixo nível de Vitamina D é muito mais comum do que você imagina. Estudos recentes mostram que mais de 1 bilhão de pessoas no mundo apresentam deficiência de vitamina D no sangue.

A maior parte das pessoas não dá a devida atenção para esta deficiência porque a maioria dos sintomas são bem sutis, e você possivelmente só irá notá-los se conhecer muito bem o funcionamento do seu corpo. Então, é fundamental ficar bem alerta para detectar o problema antes que as graves consequências causados pela deficiência de Vitamina D comecem a aparecer.

Deficiência de Vitamina D: Ficar doente frequentemente

Este pode ser um dos sinais da falta de Vitamina D porque uma das funções mais importantes da vitamina D é justamente manter fortalecido o sistema imunológico, que é o responsável por combater os vírus e bactérias que causam as doenças.

Talvez você não saiba, mas a vitamina D interage diretamente com as células e ajudam no combate às infecções. Portanto, se você fica doente com muita frequência, principalmente gripe ou resfriado, pode ser um sinal que os níveis de Vitamina D estão baixos.

Deficiência de Vitamina D: Fadiga e cansaço constante

A pessoa que está sempre cansada e sente-se fadigada rapidamente com qualquer atividade, pode estar com desidratação crônica ou deficiência de Vitamina D no organismo. Estudos mostraram a relação entre a deficiência de Vitamina D e fadiga em mulheres jovens, o resultado apresentado mostrou que grande parte das que estavam com níveis baixos de Vitamina D apresentavam relatos frequentes de fadiga.

Deficiência de Vitamina D: Problemas ósseos

A deficiência de Vitamina D também pode prejudicar a saúde dos ossos e causar várias doenças nos ossos. Quando os níveis de Vitamina D estão baixos, a absorção de cálcio não acontece de forma eficaz. Dor intensa nas costas pode ser um sinal de problemas relacionados a deficiência de Vitamina D. Estudos realizados nos EUA mostraram que as mulheres com deficiência desta vitamina estavam mais propensas a ter dores nas costas e algumas doenças ósseas.

Deficiência de Vitamina D: Problemas com depressão

A deficiência de Vitamina D no organismo, principalmente entre os adultos mais velhos está associada à depressão. A fadiga e o aumento das doenças deixam a pessoa sempre limitada fisicamente e isso faz com que ela esteja com um astral muito baixo. Caso isso não seja resolvido, a pessoa pode desencadear problemas comportamentais e acostumar com esta sensação ruim, algo que pode evoluir para a depressão!

Deficiência de Vitamina D: Problemas de cicatrização

Problemas de cicatrização depois das cirurgias ou lesões também é um dos indicadores de problemas nos níveis vitamina D.  Estudos descobriram que a Vitamina D promove um aumento na produção de compostos importantes para a formação de novos tecidos, sendo importante no processo de cicatrização. Os especialistas informam que a vitamina D também é importante no controle de inflamações e combate às infecções.

Deficiência de Vitamina D: Perda Óssea

A Vitamina D também tem papel importante para a saúde dos ossos. Ela ajuda a manter a absorção de cálcio e o metabolismo ósseo eficiente. A baixa densidade óssea é perigosa podendo resultar em osteoporose e outras doenças nos ossos, por isso, as pessoas mais idosas sofrem tantas fraturas. Quanto mais cálcio e outros minerais forem tirados dos ossos, mais propensa a doenças ósseas a pessoa está. A Vitamina D ajuda a prevenir e retardar esta perda!

Deficiência de Vitamina D: Perda de cabelo

A queda excessiva de cabelo está relacionada principalmente ao estresse, mas também pode ser causada por alguma doença ou deficiência de nutrientes como por exemplo, a Vitamina D. Existe uma doença chamada Alopecia areata que é caracterizada por uma perda grave de cabelos e outros pelos no corpo. Esta doença tem relação com o raquitismo, que causa enfraquecimento dos ossos, geralmente em crianças que tem deficiência de vitamina D.

Deficiência de Vitamina D: Dores musculares

Existem inúmeras causas para as dores musculares e é uma das situações mais complicadas de cravar uma causa exata, mas a deficiência de vitamina D pode sim ser uma causa potencial, mas ainda existem poucos estudos sobre estes casos!

Caso você esteja desconfiado que pode estar com deficiência de Vitamina D, é indispensável que você busque imediatamente um médico para realizar os exames detalhados. Assim será possível avaliar se há mesmo esta deficiência e se ela já causou algum problema de saúde.

Como foi dito, a deficiência de Vitamina D pode ser corrigida facilmente! Então sempre que possível passe alguns minutos expostos ao sol. Se você fizer isso pelo menos umas 3 vezes por semana, dificilmente terá problemas de deficiência desta vitamina.

Atualmente já existe suplementação de Vitamina D, mas ela só deve ocorrer com orientação médica. Jamais se automedique! Caso tenha ficado alguma dúvida, deixe nos comentários que iremos responder!

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.

2 comentários para “Vitamina D, como conseguir e qual a importância?”

  1. Jose Teles

    Esta matéria sobre a Vitamina D foi bastante interessante. Adverte os sintomas, as causas e recomenda o que deve ser feito, como hábito e ou providencias médicas quando necessario. Boa matéria

    Responder
    • Bruno

      Agradeço pela leitura e por comentar, fico feliz em saber que acho interessante e completo! Tem vários artigos no site com vários temas, caso tenha alguma dúvida, pode me perguntar que te indico.

      Responder

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)