Você sabe como agir se inalar muita fumaça ou se deparar com alguém que inalou muita fumaça? Nesta época de queimadas as pessoas que moram perto das regiões de risco podem precisar destas dicas. Então, o artigo de hoje do Buscar Saúde vai te explicar o que fazer em caso de inalação de fumaça.

Inalar fumaça: Cuidados importantes!

A primeira ação a ser tomada em caso de inalação de fumaça é retirar a pessoa desta área com fumaça e levá-la para um local aberto e arejado, mantendo-a sempre deitada lateralmente no chão.

Em seguida é indispensável buscar ajuda médica imediatamente, pois podem haver lesões nas vias respiratórias, e ao contrário do que muitos pensam, não são apenas as chamas que são perigosas, a inalação de fumaça pode causar graves problemas respiratórios, podendo levar a morte.

Inalar fumaça faz mal para a saúde?

Veja como ajudar alguém que inalou muita fumaça!

Inalação de fumaça: Como ajudar?

Uma dúvida muito comum é como socorrer as vítimas em uma situação assim, e é isso que vamos explicar agora! Se houver um incêndio os bombeiros devem ser acionados, pois eles são os profissionais treinados para atuar nestas condições e salvar vidas.

Porém em muitos casos você pode encontrar uma vítima precisando de ajuda imediata, ou seja, você precisa ajudar até que os bombeiros cheguem ao local. Nestes casos você deve seguir as orientações abaixo:

  • Leve a vítima para um local arejado e longe da fumaça.
  • Molhe o rosto dela com um camiseta molhada com água ou soro fisiológico para ajudar a minimizar o desconforto.
  • Avalie se a vítima está consciente e respirando.
  • Monitore os sinais vitais até que a ajuda especializada chegue ao local.

Se a pessoa não estiver consciente, mas estiver respirando, você deve deitá-la lateralmente e aguardar até que os bombeiros chegue ao local.

Fumaça de incêndio: Riscos

Lembre-se que a fumaça de incêndio é extremamente tóxica! Então, mesmo que a vítima não apresente nenhum sinal de desconforto, é fundamental que todo mundo se afaste da área de risco para evitar a inalação de fumaça.

Outra orientação importante é sempre buscar um posto médico para fazer uma avaliação médica e exames mais detalhados. Essa é a única maneira de garantir que a pessoa está realmente fora de perigo.

Por mais difícil que seja acreditar, várias vítimas morrem um tempo depois de inalar fumaça devido às complicações respiratórias como por exemplo, a pneumonia. Estas complicações podem surgir horas ou dias depois do momento em que a pessoa inalou fumaça.

Inalar fumaça: Como se proteger?

Se você estiver em uma área com muita fumaça, uma série de ações podem preservar a sua saúde ou minimizar os possíveis danos causados por essa situação extrema. Leia atentamente as dicas a seguir:

  • Fique o mais próximo possível do chão, se possível rastejando.
  • Proteja o nariz e a boca com um pano molhado.
  • Evite respirar pela boca, visto que o nariz filtra melhor os gases tóxicos do ar.
  • Procure um local arejado o mais rápido possível.

Inalar fumaça: Consequências

Se você não sabe como um incêndio afeta a saúde, vamos mostrar agora as complicações que podem acontecer nesta situação. Além das queimaduras graves, as principais consequências são:

  • Falta de oxigênio
  • Infecção respiratória
  • Desorientação
  • Fraqueza
  • Enjoo
  • Vômito
  • Desmaio

Sintomas de intoxicação respiratória

  • Dificuldade para respirar
  • Rouquidão
  • Tosse constante e muito intensa
  • Sensação de cheiro de fumaça no ar expirado
  • Confusão mental

Se a pessoa apresentar um ou mais destes sintomas, pode ser que ela esteja com intoxicação respiratória e correndo grave risco. Portanto, ela deve ser levada imediatamente para uma avaliação médica.

Com essas dicas você certamente pode ajudar uma pessoa em situação de risco, além é claro de saber como agir caso você se esteja em um local com muita fumaça. Nos ajude a divulgar essas importantes dicas, compartilhe com seus amigos e familiares.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)