Geralmente existem duas classificações quanto ao ambiente, que são: ambiente interno ou externo. Na corrida que será o nosso assunto de hoje, existem as duas opções. Você pode praticá-la na rua, ou seja, ambiente externo, assim como pode praticá-la na esteira sendo classificada como ambiente interno.

Além do ambiente, você sabe me dizer quais são as diferenças de correr na rua e na esteira? Quais as vantagens e desvantagens de cada forma? Correr na esteira é melhor do que na rua? Todas estas respostas e muitas dicas sobre este tema você confere agora!

Correr na esteira ou na rua segundo os especialistas

Para as pessoas sedentárias, iniciantes ou as que estão muito acima do peso, a corrida na esteira é mais aconselhada. Já para aquelas que não estão nos grupos acima, correr na rua é o mais indicado, principalmente as que correm apenas por prazer de praticar a modalidade ou as que buscam melhorar o desempenho e participar de competições.

Correr na esteira e na rua é igual? Os especialistas chamam a atenção para a diferença existente na mecânica do movimento da corrida na rua e na esteira. Durante a prática desta modalidade na rua, a exigência muscular é maior e há uma alteração da postura quando comparada a corrida na esteira.

O movimento é muito parecido, mas não é completamente igual. Quem corre na esteira costuma dar passos mais curtos e geralmente aterrissam mais com a parte central do pé. Enquanto quem corre na rua, já dá passos maiores e fazem a aterrissagem com o calcanhar. São pequenas mudanças, mas fazem com que os músculos, ligamentos, tendões e articulações sejam estimulados de formas diferentes.

Especificidades da corrida na rua

É uma forma muito prática e simples, além de apresentar um treino mais dinâmico e menos robotizado. Na corrida de rua, o praticante aprende a controlar o seu ritmo pelas percepções corporais, diferente da corrida na esteira em que o corredor fica sempre focado no que o aparelho está indicando.

A pessoa que corre na rua tem a oportunidade de treinar em parques ou praças, aumentando o bem estar e a motivação ao realizar este exercício. O contato com a natureza reduz o índice de estresse e estas condições são favoráveis para a manutenção do desempenho.

Corrida na rua ou na esteira, qual emagrece mais?

Como escolher entre correr na rua ou na esteira?

Quais as vantagens de correr na rua?

Aumento do gasto calórico – Quando comparado com a pessoa que corre na esteira, o praticante da corrida de rua consegue um gasto calórico maior. Devemos lembrar que para que esta comparação seja possível, devemos imaginar a realização deste treino pela mesma pessoa correndo na esteira e na rua, com mesma intensidade, volume, duração e etc.

Qualquer alteração destes fatores citados irá interferir no resultado e oferecer uma comparação incorreta. O gasto calórico só é maior na corrida de rua, porque o praticante precisa enfrentar uma resistência maior do vento e também precisará de mais força para impulsionar o corpo a frente.

Economia e praticidade – Mesmo com o número cada vez maior de academias, nem todas as pessoas tem condições financeiras para frequentar uma. A corrida de rua é opção barata e bem prática, ou seja, basta ter um tênis, uma garrafa d’água e bastante motivação.

Benefícios Ósseos – A corrida de rua ajuda a promover a boa saúde óssea e prevenir doenças como a osteoporose. Este benefício não é exclusividade dos treinos de rua, mas para eles o efeito é potencializado, visto que o estímulo gerado é mais intenso, provocando adaptações mais significativas.

Quais as desvantagens de correr na rua?

Índice maior de impacto – Principalmente nos primeiros treinos, a tendência é que a pessoa realize os movimentos de forma incorreta, fazendo com que o índice de impacto que já é alto, fique ainda maior.  É muito importante controlar bem o treino e observar os movimentos, sempre respeitando a periodização correta dos treinos, caso contrário, as chances de desenvolver uma grave lesão é muito alta.

Influências externas – As condições climáticas interferem bastante na motivação e desempenho de quem corre na rua. Os dias chuvosos, frios ou quentes demais são grandes obstáculos para os corredores. Outros fatores externos que podem prejudicar a corrida são os obstáculos naturais, dentre eles podemos citar pisos irregulares, cruzamentos no trânsito e tráfego de automóveis e/ou pedestres.

Especificidades da corrida na esteira

É a melhor alternativa para as pessoas que não gostam de correr na rua. O controle da velocidade permite um domínio do ritmo sem nenhuma forma de oscilação durante o treino. Além de contar com profissionais especializados prontos para te orientar e efetuar correções nos movimentos caso seja necessário e é uma importante aliada para as pessoas que estão se recuperando de alguma lesão.

Quais as vantagens de correr na esteira?

Controle do ritmo – Quando a pessoa corre na esteira, ela pode escolher o ritmo, a intensidade, a duração, a inclinação e ter total controle disso durante toda a prática. Desta forma, é uma ótima opção para aquelas pessoas que tem dificuldade de controlar seu ritmo sem orientação.

Fatores climáticos – Ao contrário do que acontece com o corredor de rua, os dias quentes, frios ou chuvoso, não serão problemas para quem corre na esteira.

Redução do impacto – A esteira possui um sistema de absorção de impacto, fazendo com que ela seja a mais indicada para as pessoas que estão acima do peso, com problemas articulares e ósseos. A corrida na esteira apresenta riscos menores de lesões relacionadas ao índice de impacto.

Treino sem interrupções – Aqueles problemas com pisos irregulares, tráfego de pedestres e automóveis não existe para quem corre na esteira, ou seja, a pessoa pode focar totalmente na realização dos movimentos e nos seus objetivos.

Quais as desvantagens de correr na esteira?

Estímulo muscular e gasto calórico menor – Na esteira, é mais fácil impulsionar o corpo para continuar o movimento das passadas, isso faz com que o esforço seja menor e isso é refletido no estímulo muscular e também no gasto calórico.

Dificuldades para controlar o treino – A pessoa que só treina na esteira, fica refém do controle eletrônico. Desta forma, a pessoa terá uma dificuldade enorme caso realize uma corrida ao ar livre.

Considerações finais

Para aquelas pessoas que estão fora dos grupos específicos citados, ambas as formas de práticas são bem vindas. A corrida na esteira é muito bem vinda para aprimorar os movimentos da corrida de rua, o mais indicado é que a pessoa pratique as duas formas frequentemente e de forma orientada.

Acho que ficou bem claro que a definição de qual opção é melhor está diretamente relacionada com a sua condição física e fisiológica. Depois de observar as restrições, as características, vantagens e desvantagens de correr na rua e na esteira, veja qual será a melhor para o seu objetivo.

Não podemos encerrar sem falar da importância de realizar exames médicos e obter a liberação para praticar atividade física. Faça isso antes de iniciar em qualquer modalidade. Também é importante contar com a orientação de um profissional de Educação Física.

A corrida tem muitos benefícios para te oferecer, mas quando a pessoa pratica sem orientação, os riscos são enormes! Este profissional capacitado certamente irá te instruir e conduzir uma prática saudável e segura.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)