Os problemas na vesícula têm afetado cada vez mais pessoas e com isso, o número de buscas por informações sobre este tema tem aumentado em grandes proporções! Neste artigo vamos explicar o que é pedra na vesícula e mostrar quais são as causas e sintomas de pedra na vesícula.

Vesícula: O que é?

Uma das funções principais da vesícula biliar é armazenar a bile, que é um líquido de cor verde que atua na digestão das gorduras. Quando uma pessoa se alimenta, inicia-se o processo digestivo, e neste processo a bile atravessa os canais biliares, chegando ao intestino. Quando existem pedras na vesícula biliar, elas podem bloquear o caminho e passagem da bile, causando uma intensa inflamação da vesícula que resulta em muita dor.

Pedra na vesícula biliar, o que fazer?

Quais os sintomas de pedra na vesícula?

Pedra na vesícula: Quais as causas?

A formação de pedras na vesícula acontece principalmente quando há alterações na composição da bile, mas existem fatores que podem favorecer essas alterações, são eles:

  • Pessoas com uma dieta rica em gorduras
  • Pessoas com uma dieta rica em carboidratos
  • Pessoas com uma dieta pobre em fibras
  • Pessoas com diabetes
  • Pessoas com colesterol alto
  • Pessoas que não praticam atividade física regularmente
  • Pessoas com hipertensão arterial
  • Pessoas que fumam regularmente
  • Pessoas que usam anticoncepcionais por muitos anos
  • Fatores hereditários

Geralmente as mulheres são as que tem mais tendência para desenvolver este problema, e isso acontece por causa das diferenças hormonais! Existem casos em que a pessoa desenvolve pedra na vesícula, mas como elas são bem pequenas acabam conseguindo atravessar os canais biliares e chegam ao intestino. Nestes casos, as pedras são eliminadas juntamente com as fezes.

Pedra na vesícula: Sintomas

O sintoma principal de pedra na vesícula é uma dor muito forte que as mulheres conhecem bem, porque ela é muito semelhante a dor da cólica. Exatamente por isso que este sintoma recebe o nome de cólica biliar.

A cólica biliar é uma dor súbita e muito intensa que surge no lado direito do abdômen. Estes sintomas começam a aparecer aproximadamente 1 hora após as refeições, e em seguida vão desparecendo à medida que o processo digestivo vai sendo concluído, justamente porque a vesícula para de receber estímulos para liberar a bile. Se você suspeita de ter algum problema na vesícula, observe estes sintomas a seguir:

  • Dor intensa no lado direito do abdômen durante a digestão
  • Vômitos
  • Febre alta superior à 38° C
  • Enjoos
  • Cor amarelada nos olhos
  • Perda de apetite
  • Pele amarelada
  • Diarreia forte e constante

É importante frisar que estes sintomas não surgem na maioria dos casos, ou seja, por isso é muito importante fazer os exames preventivos para evitar que você venha a descobrir o problema apenas quando as dores estiverem insuportáveis!

Sendo assim, as pessoas que fazem parte daquele grupo de risco que citamos, precisam fazer os exames de rotina para evitar que o problema fique grave até ser diagnosticado. Principalmente aquelas pessoas que tem histórico familiar deste problema.

Pedra na vesícula: O que fazer?

Se você suspeitar que está com pedra na vesícula, se a dor é muito forte, constante e principalmente quando há febre e vômitos, a indicação é buscar imediatamente uma consulta com um clínico geral ou o gastroenterologista que é o médico especialista nesta área.

Para diagnosticar o problema o médico provavelmente vai pedir um exame de ultrassom, mas existem casos mais específicos em que é necessário exames de cintilografia, ressonância magnética ou tomografia computadorizada. Estes exames visam avaliar se a vesícula está ou não inflamada e qual o grau da inflamação.

Pedra na vesícula: Qual o tratamento?

O melhor tratamento para pedra na vesícula é aquele que o médico gastroenterologista recomendou depois de avaliar o seu problema! Jamais faça uso de medicamentos por conta própria, e nem adote um tratamento que outra pessoa tenha feito, porque isso é muito perigoso e você estará correndo riscos desnecessários.

O tratamento depende principalmente do tamanho das pedras, intensidade da inflamação e da presença ou não de outros sintomas. Para as pessoas com pedras consideradas pequenas, o tratamento geralmente consiste no uso medicamentos para ajudar a desfazer as pedras.

Já as pessoas que apresentam sintomas fortes e frequentes, o tratamento mais indicado quase sempre é a cirurgia para a retirada da vesícula. Existe tratamentos bem modernos e mais caros como por exemplo, o tratamento com ondas de choque que visam quebrar as pedras da vesícula em tamanhos menores, ou seja, é um tratamento bem parecido com aquele utilizado nos casos de pedras nos rins.

https://www.youtube.com/watch?v=TUmfTIdwmz0

A nossa dica final é que as pessoas tomem cuidado com a alimentação, principalmente quando estão fazendo tratamento para pedra na vesícula. Você deve evitar o consumo de alimentos ricos em gorduras como por exemplo, carne vermelha e frituras. Adicione a prática regular de atividade física à sua rotina, porque isso pode favorecer demais a prevenção e tratamento de pedra na vesícula.

Saiba que as informações passadas são de caráter educativo e instrutivo! Então, você jamais deve mudar uma recomendação médica por alguma informação que tenha lido aqui no site. Porém, se tiver ficado alguma dúvida, deixe nos comentários que iremos responder com maior prazer!

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)