Segurar xixi faz mal pra saúde? Quais os riscos de ter infeção de urina?

Escrito na categoria "Alimentação e dietas" por Bruno.

Você é uma pessoa que segura a vontade de urinar ao máximo? Você sabe quanto tempo pode segurar a urina? É verdade que segurar a urina faz mal? É verdade que segurar urina provoca pedra nos rins? Vejam quais as respostas destas perguntas e entendam se segurar a urina faz mal pra saúde.

Quanto tempo pode segurar a urina?

A capacidade física que o corpo humano pode manter sem urinar é baseada em diversos fatores e eles podem variar muito de pessoa para pessoa. Na maioria dos casos, as mulheres conseguem segurar a urina por 3 a 6 horas, enquanto os homens conseguem segurar por até 10 horas.

Este tempo depende muito da quantidade de urina produzida e isso está diretamente ligado ao estado de hidratação e ingestão de líquidos, além é claro da capacidade funcional da bexiga deste indivíduo. Esta capacidade funcional envolve o tamanho real e sensibilidade da bexiga.

Existem diversos estudos sobre o assunto e o certo é que não existe um tempo padrão para urinar. Na verdade, segurar a urina é algo que muitas pessoas fazem sem pensar nas consequências e isso é algo que deve ser repensado o quanto antes.

Segurar xixi faz mal?

Segurar urina provoca pedra nos rins?

Segurar a urina provoca dor?

Esta sensação varia desde pequenas pressões no trato urinário, até um sentimento de dor intensa. É claro que a pessoa não deve ir ao banheiro a cada pequena sensação de vontade de urinar, mas é totalmente errado manter o xixi até o ponto extremo em que você está quase fazendo na roupa.

Com qual frequência eu devo urinar?

Os especialistas indicam que encontrar o meio termo é o ideal para ter hábitos de micção saudáveis. Portanto, você não precisa ir correndo para o banheiro toda vez que você tomar um pouco de água, mas também não deve ficar se contorcendo com dores e vontade de urinar. Vá ao banheiro sempre que sentir vontade e notar que a bexiga já está cheia.

Quando as pessoas sentem vontade de fazer xixi com muita frequência, pode ser que ela tenha algum problema específico, portanto, busque a orientação médica imediatamente e realize uma checagem do problema. Geralmente alguns exercícios específicos e uso de medicamentos são indicados para as pessoas com bexiga hiperativa.

Segurar urina dá pedra nos ou cistite?

Não existem complicações específicas resultantes de segurar a urina, mas esta ação pode aumentar a probabilidade de desenvolver infecções do trato urinário, como a cistite, que podem ser tratadas com antibióticos.

Mas geralmente a cistite está mais associada a desidratação e não com a frequência da urina. O mesmo acontece com os problemas de pedra nos rins! Eles estão associados a um problema de falta de hidratação, não tendo ligação direta com a frequência de micção.

É possível treinar o corpo para urinar menos?

A hidratação é fundamental para a nossa saúde,mas em contra partida, a água tem o “efeito colateral” irritante de aumentar a necessidade de fazer xixi. Sendo assim, muitas pessoas perguntam se é possível controlar a frequência de urinar?

Isso depende muito de cada indivíduo, visto que algumas pessoas tem a bexiga extremamente sensível, ou seja, elas vão apresentar a sensação de querer urinar mesmo com uma quantidade bem menor de urina na bexiga.

Não existe restrições de tentar distrair-se e não ceder a cada desejo ligeiro de fazer xixi. Na verdade isso é potencialmente positivo e tende a estimular a sua bexiga um pouco de forma saudável, mas não espere mudanças tão significativas.

É importante frisar que ao perceber qualquer alteração ou incomodo ao urinar, o médico deve ser procurado imediatamente. Existem graves problemas que podem ser facilmente tratados se descobertos logo no início, mas infelizmente as pessoas ainda esperam chegar no extremo para tratar.

Sobre o autor

Autor Bruno

Bruno Morgado é formado em Educação Física pela UFV - Universidade Federal de Viçosa. Foi aluno destaque do instituto e agora compartilha seus conhecimentos no site Buscar Saúde!

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.

Deixe um comentário