A meningite é uma doença grave que pode causar vários danos! Se você não sabe o que é meningite e nem quais são os tipos de meningite, este artigo certamente tem informações importantes par você, porque além destas respostas, também vamos apresentar os sintomas e as causas da meningite.

O que é Meningite?

A meningite é caracterizada como uma inflamação das membranas que envolvem o cérebro, estas membranas recebem o nome de meninges. É importante compreender que existem vários tipos de meningite, ou seja, as causas e sintomas são específicos de cada tipo.

Tipos de meningite

A maior parte dos casos de meningite é causada por vírus ou bactérias, mas também existem casos mais raros de transmissão via fungos. Estes são os principais causadores, mas existem situações especificas que também podem causar a meningite, como por exemplo, alergia à alguns medicamentos e também por câncer. Saiba que a meningite viral, meningite bacteriana e meningite por fungos são os 3 tipos que podem causar a meningite crônica.

Meningite viral e meningite bacteriana, quais as diferenças?

Quais os sintomas de meningite? Saiba quais as complicações da meningite!

Meningite: Quais as causas?

Como foi dito, as causas da meningite podem variar de acordo com o tipo. Vários vírus podem ser responsáveis pela meningite viral, por isso esta é a forma mais comum de meningite. A boa notícia é que a meningite viral é a causa menos perigosa e em vários casos ela nem precisa de tratamento.

A transmissão dos vírus causadores da meningite podem acontecer por alimentos, objetos ou água contaminada, e a maioria dos casos ocorrem entre o fim do verão e o começo do outono.

Agora quando a meningite é bacteriana, estamos falando do tipo mais grave de todos, porque quando a bactéria entra na corrente sanguínea e vai até o cérebro, pode desencadear vários problemas graves. Este tipo de meningite pode ser desencadeado depois de uma fratura, infecção no ouvido ou depois de um processo cirúrgico. Existem várias bactérias que podem causar a meningite, são elas:

  • Streptococcus pneumoniae – Também pode causar infecções no ouvido e até pneumonia.
  • Neisseria meningitidis – Comum durante uma infecção respiratória e é altamente contagiosa.
  • Haemophilus influenzae – Comum em crianças e se desenvolve durante uma infecção respiratória.
  • Listeria monocytogenes – Mulheres grávidas, recém-nascidos, idosos ou pessoas com imunidade baixa estão mais suscetíveis à esse tipo de meningite.

Por último temos a meningite por fungos que apesar de bem menos comum, também deve receber atenção porque pode levar à meningite crônica. Os sintomas são bem parecidos com a meningite bacteriana, mas ela não é contagiosa de pessoa para pessoa.

Meningite: Fatores de risco

Existem vários fatores considerados como de risco para a meningite. Se você faz parte dos grupos que vamos citar, então deve ter atenção redobrada!

  • Idade
  • Ambientes fechados
  • Gravidez
  • Imunidade baixa
  • Aidéticos
  • Diabéticos

Sintomas de Meningite

Os primeiros sintomas de meningite são confundidos facilmente com os sintomas da gripe. Estes sintomas surgem no máximo 2 dias após à infecção, são eles:

  • Vômitos
  • Náusea
  • Febre alta
  • Dor de cabeça intensa
  • Sensibilidade à luz
  • Rigidez no pescoço
  • Sonolência
  • Dificuldade de concentração
  • Manchas vermelhas na pele
  • Confusão mental
  • Falta de apetite
  • Convulsões

Saber quais os sintomas sentiu, quando eles surgiram e qual a intensidade dos mesmos é muito importante na hora da consulta, pois assim pode agilizar o diagnóstico e facilitar a definição do tratamento adequado.

Geralmente o diagnóstico de meningite é feito pelo especialista com base apenas no histórico do paciente, além de um exame físico. Porém, alguns exames específicos podem ser solicitados, como por exemplo:

  • Exame de sangue
  • Raio-X
  • Tomografias computadorizadas

Tratamento de Meningite

A escolha do tratamento depende da causa da meningite. Em vários casos de meningite viral o tratamento é dispensável, porque a doença desaparece sozinha depois de algumas semanas. Sendo que as únicas orientações médicas são: bastante repouso e beber muita água! Se for necessário ele irá prescrever medicamentos para aliviar as dores. Nos casos em que a meningite viral não desaparece sozinha, o médico certamente vai receitar um antiviral.

Já para a meningite bacteriana, o tratamento precisa ser muito bem feito e iniciado o mais rápido possível. O tratamento geralmente consiste em antibióticos intravenosos e medicamentos de cortisona, visando evitar os riscos de futuras complicações. É preciso compreender que o antibiótico depende do tipo de meningite e da bactéria causadora, ou seja, você jamais deve tomar remédio para meningite sem ser o que o médico prescreveu.

O tratamento para os casos de meningite fúngica é feito através de fungicidas, mas estes medicamentos apresentam vários efeitos colaterais.

Meningite confirmada:  O que fazer?

Primeiro deve-se evitar os lugares de aglomeração para reduzir os riscos de transmissão da doença. Nada de shoppings, escolas, shows e etc. A higienização deve acontecer naturalmente e não há necessidade de desinfetar objetos pessoais. Respeite os horários e doses dos medicamentos, fique em repouso até se recuperar completamente e beba bastante água!

Meningite: Complicações

Se a pessoa não tratar corretamente a meningite, as complicações são gravíssimas e a pessoa pode inclusive morrer. A lista completa de complicações da meningite você confere a seguir:

Meningite: Prevenção

A meningite pode ser transmitida pela tosse, beijo, espirro, beijo ou uso de objetos pessoais. Então a melhor maneira de prevenção da meningite é evitar o contato direto ou ficar próximos demais da pessoas com meningite.

Lave muito bem as mãos, evite compartilhar objetos pessoais, principalmente cigarro, copos ou escovas de dente. Tenha boa alimentação e faça exercícios físico regularmente para ajudar no bom funcionamento do seu sistema imunológico. E é claro, vacine-se contra a meningite.

Estamos encerrando este importante artigo e queremos alertar novamente sobre a seriedade deste problema. Como foi dito, dependendo da causa, a meningite pode até matar! Então, ao menor sinal desta doença, a orientação é buscar uma ajuda médica imediatamente.

Se tiver alguma outra dúvida sobre meningite ou se tiver alguma sugestão de tema, deixe nos comentários que iremos ler e responder com maior prazer. Quem sabe a sua dúvida não seja tema de um próximo artigo!

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.

2 comentários para “O que é meningite? Quais são os tipos e sintomas?”

  1. Tiago Anderson Gonçalo da Silva

    Gostei de mais desse artigo, muito orientador dando uma ampla visão do que é essa doença.

    Responder
    • Bruno

      Agradeço pelo comentário e fico feliz que tenha gostado da forma com que as informações foram passadas… Continue visitando o Buscar Saúde!

      Responder

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)