Qual a diferença da dor de cabeça comum para a enxaqueca? Este terrível problema atinge cada vez mais pessoas e com isso, a busca por informações também tem aumentado bastante.  Neste artigo vamos falar quais são as causas, sintomas e tratamentos para a terrível enxaqueca.

Enxaqueca: O que é?

A enxaqueca é um tipo de cefaleia que é o nome científico da dor de cabeça. A enxaqueca pode se caracterizar por uma intensa dor pulsante em um dos lados da cabeça, sendo que em casos bem graves, a dor pode se manifestar dos dois lados. A pessoa com enxaqueca pode sentir a crise por até 72 horas.

De acordo com o Ministério da Saúde, aproximadamente 25% das mulheres e 10% dos homens sofrem com problemas de enxaqueca. A enxaqueca é mais comum entre as pessoas com idade entre 25 e 45 anos e pode ser dívida entre episódica ou crônica. Vamos falar disso detalhadamente na sequência do artigo.

Enxaqueca, o que é?

Dicas importantes para aliviar as dores da enxaqueca!

Enxaqueca: Quais as causas?

As causas da enxaqueca ainda são desconhecidas, mas o padrão de crise é praticamente o mesmo, variando apenas a intensidade e o intervalo entre as crises. Especialistas informam que o gatilho para as crises de enxaqueca também podem variar de pessoa para pessoa. Os gatilhos mais comuns de enxaqueca são:

  • Estresse
  • Jejum prolongado
  • Dormir menos que o de costume
  • Alterações bruscas de temperatura
  • Mudanças bruscas de umidade
  • Cheiro forte de perfumes ou outros odores
  • Esforço físico intenso
  • Luz intensa
  • Som intenso
  • Uso excessivo de medicamentos
  • Fatores hormonais

Enxaqueca: Quais os sintomas?

A pessoa com enxaqueca pode sentir um ou mais destes sintomas que vamos mostrar. É importante ficar atento a todos estes sintomas, visto que isso pode facilitar o diagnóstico médico. Os principais sintomas da enxaqueca são:

  • Crise de dor intensa, geralmente unilateral e pulsante
  • Fortes náusea
  • Ânsia de vômito frequente
  • Irritabilidade
  • Excesso de sensibilidade à luz
  • Excesso de sensibilidade ao som
  • Tontura
  • Fadiga
  • Alteração do apetite
  • Dificuldade de concentração
  • Dificuldade para raciocinar

Enxaqueca com aura: O que é?

A enxaqueca com aura é conhecida como aura visual e a pessoa com este tipo de enxaqueca costuma visualizar flashes de luz, manchas escuras em forma de mosaicos ou imagens brilhantes em formato de ziguezague, tendo a mesma sensação de quando olhamos aquele efeito de calor que emana do chão em uma estrada.

Enxaqueca: Como diagnosticar?

Estudos mostram que no Brasil, aproximadamente 60% das pessoas com enxaqueca procuram atendimento e o diagnóstico de enxaqueca, basicamente depende da resposta para várias perguntas que o médico neurologista irá fazer, dentre elas podemos citar: Qual lado da cabeça é a dor? Quais os sintomas? Quanto tempo dura estes sintomas? Os sintomas aparecem antes de a dor começar? Sendo assim, saber as respostas paras estas perguntas pode agilizar e favorecer um diagnóstico mais preciso.

Enxaqueca: Qual o tratamento?

Antes de iniciar qualquer tipo de tratamento para enxaqueca, a pessoa precisa ter certeza de que o diagnóstico está correto. Os remédios para a enxaqueca possuem neuromoduladores, betabloqueadores, antidepressivos e antivertiginosos, ou seja, jamais tome medicamento sem a prescrição médica.

É importante compreender que cada caso requer um tratamento diferente e só depois de fazer uma avaliação completa, que o médico poderá determinar qual é o medicamento ideal e principalmente, qual é a dosagem correta e a duração do tratamento. Se você respeitar corretamente as orientações do seu médico, as chances de se livrar de vez deste problema é muito grande.

Enxaqueca: Como prevenir?

Existem alguns hábitos que podem ajudar na prevenção da enxaqueca! O primeiro passo é anotar todas as crises, quando elas surgiram e porque ela começou, desta forma você começar a identificar os gatilhos que podem desencadear a enxaqueca e consequentemente, pode tentar evitá-los. Por fim, é muito importante ficar atento aos gatilhos psicológicos como por exemplo, estresse e ansiedade.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)