Se você tem uma dor de dente muito forte, entenda que é importante conhecer a causa do problema. Veja como aliviar a dor de dente e se você deve ou não tomar remédio quando estiver com dor de dente? É verdade que alho diminui a dor de dente? Todas estas respostas e muitas outras dicas você confere agora!

Dor de dente: Como agir?

Para começar, vamos apresentar alguns tratamentos caseiros bem simples que podem minimizar as dores. Em alguns, estes tratamentos podem naturalmente reduzir uma pequena irritação, mas a dor de dente mais intensa quase sempre exige uma intervenção de um dentista.

Dor de dente: Tratamento com água salgada

Á água salgada pode afrouxar as partículas de alimentos e detritos que possivelmente podem estar presos entre os dentes e causando o incomodo. Este tratamento com água salgada também pode ajudar na redução de inflamações e curar feridas bucais. Se quiser experimentar este tratamento caseiro, basta misturar 1/2 colher de chá de sal em um copo de água morna e usá-lo como um limpador bucal, bochechando-o.

Dor de dente, veja como aliviar?

A dor de dente incomoda muitas pessoas, mas você sabia que existem vários tratamentos caseiros para aliviar a dor de dente?

Dor de dente: Tratamento com peróxido de hidrogênio

Enxaguar a boca com peróxido de hidrogênio também pode ser uma ótima alternativa para aliviar a dor e a inflamação de dente. Além de combater as bactérias, o peróxido de hidrogênio ajuda na redução das placas e reduz o sangramento nas gengivas sangrando. É importante diluir corretamente o peróxido de hidrogênio, sendo assim, misture 3% de peróxido de hidrogênio com partes iguais de água e use-o como um limpador bucal, bochechando-o. Jamais engula essa mistura.

Dor de dente: Como aliviar com compressa fria?

Você também pode aplicar uma compressa fria para aliviar a dor de dente que está enfrentando. Quando você realiza a aplicação com a compressa fria, há uma vasoconstrição, ou seja, existe menos sangue circulando naquela região, o que naturalmente deixa a dor menos intensa. A aplicação com compressa fria também é eficaz para a redução do inchaço e da inflamação. É importante fazer a aplicação de forma correta, para isso você deve posicionar a compressa na área afetada por 20 minutos, nem mais nem menos. Faça isso a cada 2 horas.

Dor de dente: Tratamento com alho

As propriedades medicinais do alho foram reconhecidas por milhares de anos, não somente por matar bactérias nocivas que causam o tártaro, mas também atuando como analgésicos. Para usar este tratamento você deve esmagar um dente de alho até que ele fique com uma textura pastosa, em seguida aplique-o na área afetada. Se quiser maximizar o efeito analgésico, você pode adicionar um pouco de sal.

Dor de dente: Consulte o seu dentista

Se você sentir febre, dificuldade em respirar, dificuldade em engolir, inchaço, dor ao morder, gengivas sangrando ou caso as dores persistam por mais de 2 dias, o mais indicado é consultar um dentista pra avaliar melhor o problema.

Aqui vem uma dica muito importante, você jamais deve se automedicar sem ter falado com seu dentista, principalmente as gestantes. Existem muitos remédios que são perigosos e não devem ser tomados em determinadas situações, ou seja, não corra este risco. Se a sua dor de dente for muito intensa é sinal que o seu problema requer uma condição médica mais específica.

Todos os tratamentos caseiros que apresentamos aqui, são apenas soluções temporárias a fim de minimizar e aliviar as dores. Desde já frisamos que o certo a se fazer, é buscar a consulta com o dentista logo no primeiro sinal de incomodo, uma vez que este profissional tem toda capacitação teórica e pratica para avaliar precisamente o seu caso.

Você conhece algum tratamento que não foi citado aqui? Compartilhe conosco essa informação e ajude outros leitores que sofrem com o mesmo problema. Caso tenha ficado alguma dúvida, deixe nos comentários que teremos o maior prazer em responder.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)